Seguidores

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Eduardo vai usar o slogan É daqui pra melhor! contra o Pernambuco Pode Mais de Jarbas



POSTADO ÀS 21:32 EM 30 DE Junho DE 2010

Eduardo falou para a militância ao lado da esposa e de três dos seus quatro filhos, lembrou da tragédia causada pelas chuvas que castigaram Pernambuco e assegurou trabalhar duro no seu segundo mandato para reconstruir as cidades destruídas.

“Estamos aprendendo com o povo como não perder a fé num amanhã melhor, como não baixar a guarda diante das dificuldades. Vamos nos reconstruir com a nossa unidade, com a nossa força, com o nosso amor, com a nossa garra e com a capacidade e a fraternidade dos pernambucanos”.

Em seguida, o socialista fez uma prestação de contas do seu Governo. Lembrou dos avanços em áreas estratégicas como segurança pública, educação e saúde e assegurou: “é daqui pra melhor”, utilizando-se do slogan da campanha que já está na boca do povo.

Ao final do seu discurso de 30 minutos, Eduardo pediu à militância que “invada as ruas”, “não ache que a campanha está ganha” e “não calce sapato alto”.

Afirmando que “eleição não se ganha na televisão” mostrou-se animadíssimo para a disputa. “Estou ainda mais disposto que em 2006”, disse o governador-candidato, conhecido por trabalhar exaustivamente.

Fonte:
http://jc3.uol.com.br/blogs/blogjamildo/index.php

Pernambuco tem três casos suspeitos de leptospirose



Publicado em 30.06.2010, às 16h20
Pernambuco registrou três casos suspeitos de leptospirose provocados após o contato com as águas das enchentes que atingiram o Estado nas últimas semanas. Em Palmares, o doente está internado em um hospital particular da região. Os dois outros casos estão sendo investigados pela Secretaria Estadual de Saúde nos municípios de Vitória de Santo Antão e em Chã de Alegria.

Em Água Preta, um dos 12 municípios da Zona da Mata pernambucana em estado de calamidade pública, o prefeito Eduardo Coutinho (PSB) aguarda para amanhã a chegada de um consultor da Secretaria Estadual de Cidades que ficará responsável por começar a traçar um plano geral de realocação de parte da cidade devastada pelas enchentes.

"O governo estadual e todos nós temos pressa", afirmou, ao lembrar que cerca de 3 mil pessoas estão desabrigadas e não podem retornar às áreas de risco onde moravam. De forma emergencial, segundo Coutinho, deverão ser construídas 800 casas no terreno de 219 hectares já desapropriado pelo governo estadual.

Em Barreiros, a população recebe assistência médica em um hospital de campanha montado pela Aeronáutica. Palmares improvisou escolas como abrigos e continua na expectativa da instalação de tendas do Exército que deverão servir de moradia provisória para famílias que perderam suas casas. Com mais de mil desabrigados, Catende, na Zona da Mata Sul, ainda não conta com abastecimento de água e energia em parte do seu território.

Fonte: Agência Estado.

http://jc.uol.com.br/canal/cotidiano/grande-recife/noticia/2010/06/30/pernambuco-tem-tres-casos-suspeitos-de-leptospirose-227179.php

Servidores de cidades atingidas receberão 13º

O governador Eduardo Campos anunciou no ultimo domingo (27) a antecipação do pagamento integral do 13º salário para os servidores estaduais moradores das 12 cidades em estado de calamidade pública. O pagamento será feito na sexta-feira (02/07). Segundo dados da Secretaria de Administração, cerca de 5,5 mil servidores estaduais ativos e inativos residem nestas cidades. A soma dos seus salários chega a R$ 10 milhões.


“Esta é mais uma forma que encontramos para minorar os estragos causados pelas chuvas: aquecer a economia das cidades mais castigadas, fazendo o dinheiro voltar a circular no comércio local”, explicou o governador, que no domingo visitou as cidades de São Benedito do Sul, Quipapá e Palmeirina.


Terão direito ao benefício os servidores das cidades de Água Preta, Barra de Guabiraba, Barreiros, Correntes, Cortês, Jaqueira, Palmares, São Benedito do Sul, Vitória do Santo Antão. As cidades de Catende, Maraial e Primavera terão seu estado de calamidade pública decretada no Diário Oficial do dia 27.


MARATONA – No sábado (26), o governador Eduardo Campos visitou nove cidades. Pela manhã esteve em Barra de Guabiraba, Cortês, Amaraji, Primavera e Escada. À tarde ele passou pelo distrito de Batateiras, em Belém de Maria, Catende, Jaqueira e Maraial. Em todos os municípios, ele conferiu os trabalhos dos escritórios locais de gestão montados pelo Governo do Estado, visitou áreas atingidas pelas enchentes e visitou abrigos.

Fonte:

http://www.portaldoservidor.pe.gov.br/

Parecer sobre PEC de servidores inativos pode ser apresentado hoje

30/06/2010 09:12

O relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 555/06, deputado Luiz Alberto (PT-BA), apresentará seu parecer hoje. A PEC extingue a cobrança previdenciária de servidores públicos inativos. O relatório ainda não foi divulgado, mas o deputado já anunciou que pode propor o fim gradual da contribuição. A proposta é do ex-deputado Carlos Mota.

Atualmente, a contribuição previdenciária de aposentadorias e pensões do serviço público é de 11% sobre a parcela que ultrapassa o teto previdenciário do INSS, hoje em R$ 3.416,00. A proposta atinge os aposentados e pensionistas com direito adquirido até 31 de dezembro de 2003.

"Nós estamos construindo um consenso na comissão de trabalhar com uma ideia de escalonamento em cada ano de aposentado, havendo um fator redutor dessa contribuição. Chegando ao ponto de, numa idade estipulada em torno de 70 anos, ocorrer a isenção total", explicou o deputado durante a última audiência pública da comissão, no último dia 16.

A reunião está marcada para as 14h30 no plenário 11.

*Matéria atualizada em 30/06
FONTE:
http://www2.camara.gov.br/agencia/noticias/TRABALHO-E-PREVIDENCIA/149199-PARECER-SOBRE-PEC-DE-SERVIDORES-INATIVOS-PODE-SER-APRESENTADO-NA-QUARTA.html

Suprema Corte libera porte de armas nos EUA

A partir de agora, os estados federados dos Estados Unidos não podem limitar ou proibir os cidadãos de ter e portar armas de fogo. A Suprema Corte do país declarou é inconstitucional qualquer controle ou restrição a este direito por parte dos estados e dos governos locais. Os juízes julgaram o caso McDonald Vs Chicago em que ativistas de armas apelaram contra a cidade de Chicago, que controla o porte de armas. As informações são da AFP.

A máxima instância judicial americana se baseou na 2ª Emenda da Constituição ao revogar uma proibição de Chicago sobre porte de armas de fogo. A emenda prevê a permissão para porte de armas em âmbito federal. Antes, dessa decisão, cidades ou estados podiam proibir a posse.

O entendimento foi aprovado por maioria — 5 a 4. Os juízes afirmaram que a "a defesa pessoal é um direito fundamental", Consideraram também que "a defesa pessoal individual é 'componente central' do direito constitucional expresso na 2ª Emenda".

Os juízes estenderam para todo o país os efeitos de uma decisão da Suprema Corte aplicada em 2008 para o distrito de Washington. Nela, consta que os americanos têm o direito constitucional de ter e portar armas, inclusive pistolas. O tribunal reconheceu que a Carta de Direitos (as primeiras 10 emendas à Constituição) originalmente apenas se aplicavam ao governo federal. Mas decidiu que a cláusula do "devido processo" da Emenda 14 - promulgada depois da Guerra Civil nos Estados Unidos - sustenta que o consagrado na Carta de Direitos, como o direito da 2ª Emenda a possuir e portar armas, também deve ser aplicado aos estados.

O tribunal, no entanto, também fez uma advertência contra a possibilidade de uma restrição total do controle de armas, utilizada na decisão de 2008, ao reconhecer que "o direito de possuir e portar armas não é 'um direito de possuir e levar qualquer arma de qualquer maneira e para qualquer fim'". A decisão deixou em aberto também a decisão sobre até que ponto as legislações específicas de estados e municípios podem regulamentar esse direito.

Para o juiz Samuel Alito, a Constituição é clara sobre o direito dos cidadãos de portar armas para sua defesa pessoal. Ao anunciar a decisão da Suprema Corte, o juiz observou que desde a proibição do porte de armas de fogo em Chicago, há 28 anos, a taxa de assassinatos por pistolas ou revólveres aumentou nessa cidade.

A Suprema Corte também disse que suas decisões "não põem em dúvida" regulações de longa data, como a proibição de delinquentes e portadores de doenças mentais possuírem armas, assim como as leis que proíbem as armas de fogo em "lugares sensíveis", como escolas e edifícios governamentais.

Repercussão social
A Associação Nacional do Rifle (NRA) comemorou a decisão. De acordo com a entidade, esta "é uma reivindicação para a grande maioria de cidadãos americanos que sempre acreditaram que a 2ª Emenda é um direito e uma liberdade individual que vale a pena defender".

Já os defensores do controle de armas criticaram a sentença. Eles citaram estatísticas que mostram uma média anual de 30.000 mortes, incluídos 12.000 assassinatos, por disparos de armas de fogo. Ainda de acordo com os defensores, nos Estados Unidos se estima que existam em torno de 200 milhões de armas em circulação.

"Pessoas vão morrer por causa dessa decisão", disse o Centro de Políticas de Violência, com sede em Washington, que considerou o fato uma vitória apenas para o lobby e para a indústria de armas de fogo do país.
Fonte:
http://www.conjur.com.br/2010-jun-29/suprema-corte-americana-libera-porte-armas-todos-estados

homologação do candidato a Deputado Estadual


No último sábado, dia 26 de junho de 2010, às 15h00min aconteceu no Clube Atlético de Amadores de Afogados, Recife - Pernambuco a CONVENÇÃO ESTADUAL DO PARTIDO PHS 31. Onde deu inicio ao trabalho com a homologação do candidato a Deputado Estadual, GEZI GOMES 31007, o nosso conhecido do blog do gezi.

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Estado deve garantir o exercício do direito à saúde


Política pública

Por Cláudio A. Pinho

Com o desenvolvimento da vacina para a gripe Influenza H1N1 o Ministério da Saúde implementou uma política de vacinação, que prevê a separação em grupos. Toda a divulgação sobre a matéria relata que só determinados grupos serão vacinado e que “caso ocorra alteração na situação epidemiológica no país e disponibilidade de vacina, outros grupos ainda poderão ser incluídos na campanha de vacinação”[1].

O direito à saúde vem expresso no artigo 196 da Constituição Federal onde fica consagrado que “a saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem a redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação”. Para analisarmos as políticas de saúde devemos extrair o conteúdo da expressão “dever do Estado” e entender o alcance da expressão que qualifica que esse direito deve ter acesso “universal e igualitário”.

Temos assistido na mídia algumas situações que nos levam a reflexões. Situações em que pais de crianças fora do grupo considerado como determinante para a imunização tem que lançar mão das clínicas privadas para garantir o direito de seus filhos serem imunizados, faltando, todavia, à rede privada o medicamento para a aplicação da segunda dose. Não é necessário ser um operador do direito, para minimamente entender que “dever do Estado” significaria que o cidadão, por meio de seus impostos, já aparelha o Estado para que este possa garantir o exercício do direito.

A indignação de contribuintes ao exercício deste chamado direito fundamental levou a um fenômeno conhecido como a judicialização da saúde onde o cidadão bate às portas do Poder Judiciário para pleitear aquilo que o Poder Público espontaneamente não lhe dá, mas que é direito seu.

Em resposta o Poder Judiciário, por sua vez, criou a interpretação do que seria a teoria do possível, como modo de adequar um direito amplo como Direito à Saúde com recursos finitos, proporcionados pelo próprio orçamento dos entes federados.

Esta questão detém uma complexidade de tal ordem que no ano de 2009 o Supremo Tribunal Federal realizou uma audiência pública ao longo de quatro dias[2] para debater a matéria, mas ainda não chegou a uma conclusão a respeito. No caso das crianças, a própria Constituição Federal em outro artigo (227) diz que é “dever da família da sociedade e do Estado assegurar à criança e ao adolescente, com absoluta prioridade, o direito à vida e à saúde”.

A questão está colocada ao debate.

Ao que parece caso alguma mãe ou pai não consiga fazer valer os direitos de seus filhos à vacinação independentemente da limitação determinada pela política pública, tudo indica que estarão sendo rasgados os direitos da Constituição Federal.

Fonte:
http://www.conjur.com.br/2010-jun-27/estado-garantir-cidadao-acesso-universal-igualitario-direito-saude --------------------------------------------------------------------------------

[1] http://www.vacinacaoinfluenza.com.br/site/conteudo/quem.asp

[2] http://www.stf.jus.br/portal/cms/verTexto.asp?servico=processoAudienciaPublicaSaude

domingo, 27 de junho de 2010

Nordeste terá mais chuva durante a semana, segundo previsão do tempo


Centro-Oeste e Sudeste terão massa de ar seco e sol.

Do G1, em São Paulo


A chuva vai continuar caindo em diversas áreas do Nordeste e poderá oferecer novos riscos para a população, de acordo com a previsão do tempo para a semana. "A continuidade da chuva é preocupante", diz a meteorologista do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Naiane Araújo. Já a região Centro-Oeste, boa parte do Sudeste e o sul da região Norte deverão ter sol, por conta de uma massa de ar seco que predomina pelo menos até sexta-feira (2).

Saiba mais sobre a previsão do tempo no Brasil e no mundo

Nordeste
A ocorrência de chuvas no Nordeste durante a semana continuará a oferecer riscos de enchentes para a população. Algumas áreas da região poderão ter acumulado de chuva mais significativo.

O G1 está em Palmares, em Pernambuco, onde choveu sem parar desde a tarde deste sábado (26) até a noite de domingo. A Defesa Civil da cidade chegou a emitir um alerta para as pessoas deixarem suas casas, em decorrência do risco de nova cheia no leito do Rio Una.

Segundo Naiane, pontos específicos entre os estados de Alagoas e Pernambuco, além de áreas no Recôncavo Baiano, terão mais chuva. "Deve chover nessas áreas já na segunda-feira (28) e na terça-feira (29)", explica Naiane. "Tirando essa região, as demais áreas deverão ter sol, principalmente no centro oeste da Bahia."

Norte
Acre, Rondônia e o sul do Amazonas e do Pará sofrerão influencia da massa de ar seco que se concentra nas áreas centrais do país. Por isso, a previsão é de sol para esses estados durante a semana. Já o centros e norte de Amazonas e Pará terão chuva, além de Roraima e Amapá.

Chuvas causam prejuízos a agricultores de Alagoas e Pernambuco Moradores fazem fila para receber donativos em cidade alagoanaCentro-Oeste
A chuva vai passar longe da região Centro-Oeste nesta semana. Por conta da massa de ar seco que fica na região até sexta-feira, haverá sol e baixa umidade relativa do ar, aumentando inclusive o risco de queimadas.

"A região terá aqueles dias de céu claro, calor à tarde e tempo mais fresquinho durante a noite. Já a umidade pode ficar em torno de 20% em algumas localidades", explica a meteorologista do Inpe.

Sudeste
A umidade do ar também será relativamente baixa em regiões de São Paulo e de Minas Gerais, sempre variando entre 30% e 40%. As áreas com umidade mais baixa ficam entre o oeste e o norte de São Paulo e no triângulo mineiro. Demais áreas do Sudeste também terão temperaturas mais elevadas por conta da massa de ar seco.

Sul
Uma frente fria vinda do Uruguai tenta avançar nesta semana pelo Rio Grande do Sul. "Mas a massa de ar seco continua funcionando como uma barreira que a impede de entrar no país", diz Naiane. Dessa forma, uma ou outra frente fria pode amenizar a temperatura para os gaúchos, mas elas têm ido embora pelo Oceano Atlântico.

Em Santa Catarina e no Paraná, a previsão para a semana deverá obedecer o mesmo clima que predomina na região Sudeste. Os estados terão tempo influenciado pela massa de ar seco no Centro-Oeste, com sol e baixa umidade do ar.

Fonte: http://g1.globo.com/brasil/noticia/2010/06/nordeste-tera-mais-chuva-durante-semana-segundo-previsao-do-tempo.html

Canibal que comeu o pulmão do colega de cela é condenado


categoria: Internacional.

A Justiça da França condenou a 30 anos de prisão um homem que matou seu companheiro de cela e comeu partes de seu corpo.

Nicolas Cocaign, o canibal de Rouen, admitiu ter espancado e esfaqueado Thierry Baudry e depois asfixiá-lo com um saco plástico em uma prisão na capital da Normandia em 2007.

A briga teria sido motivada por uma discussão sobre o estado do banheiro da cela.

O canibal, que cumpria sentença por estupro na época do incidente, foi condenado por assassinato acompanhado de atos de tortura e brutalidade.

No processo de quatro dias, a Justiça recebeu detalhes de como Cocaign abriu o peito de seu companheiro de cela utilizando uma lâmina de barbear e cortou o que pensou ser seu coração.

Na verdade, Cocaign extraiu o pulmão de Baudry, que comeu em parte cru, em parte fritado com cebolas em um fogão portátil.

Em favor do réu, a defesa havia alegado problemas mentais.

“Cocaign matou Baudry porque ele é insano, totalmente insano”, sustentou o advogado Fabien Picchiottino.

O réu disse à Justiça que as autoridades penitenciárias ignoraram repetidamente seus pedidos de ajuda psicológica.

“Ninguém me ouvia. Apelei diversas vezes por ajuda, dizendo que era um homem potencialmente perigoso. Eu tomei medidas, mas eles não me levaram a sério”, afirmou Cocaign.

Durante o julgamento, ele pediu perdão à mãe e às irmãs de Baudry.

Fonte: BBC
Fonte: http://soltandooverbo.com.br/2010/06/25/canibal-que-comeu-o-pulmao-do-colega-de-cela-e-condenado/

CURSO DE "CAVEIRA" DO BOPE: ONDE OS FRACOS NÃO TÊM VEZ


domingo, 27 de junho de 2010


Temido, respeitado, desejado, invejado. Muito se fala sobre o curso formador de ‘caveiras’ do Batalhão de Operações Especiais (Bope). Mas até hoje somente os 300 homens que venceram o árduo desafio sabem o que significa ostentar no uniforme preto a insígnia da ‘faca na caveira’. No campo de treino, o cemitério simbólico eterniza o fim da jornada para centenas de inscritos desde 1978 que não conseguiram cumprir a missão. Pela primeira vez nos 32 anos da unidade, uma equipe de reportagem entrou no Curso de Operações Especiais, o COEsp, considerado o melhor do Brasil.

A 80 km do Rio, às margens da Represa de Ribeirão das Lajes, em Paracambi, 17 homens com rostos pintados e carregando 25 quilos de equipamentos nas costas se preparam para mais um dia de atividades. A visita da equipe aconteceu no meio da chamada ‘Semana do Inferno’, a fase inicial e mais dura do COEsp. Durante 15 dias, os candidatos a ingressar no Bope serão testados até seus limites físicos e psicológicos, para atingir o máximo de aproveitamento. Isso explica o reduzido número de ‘sobreviventes’: dos 65 aprovados no rigoroso processo seletivo, que começou há apenas duas semanas, somente 17 ainda prosseguiam.



“O que faz a notoriedade não é a dificuldade do curso, mas o resultado. Treinamento duro para combate fácil é um dos lemas”, resume o capitão Marcelo Corbage, coordenador da atividade. No total, 194 policiais do Rio e de mais sete estados se inscreveram para a 18ª edição do curso, mas a maioria foi eliminada ainda na fase de exames médicos e psicológicos. O índice de aproveitamento é de, no máximo, 20% dos inscritos.

Para os ‘aspiras’ do COEsp, o inferno é frio e úmido. O vento gelado que corta o vale faz os músculos tremerem debaixo da roupa permanentemente encharcada. A cada vacilo, os alunos têm que mergulhar na água gelada da represa. “Tá rindo da música que ele cantou?! Pra água!”, ordena um instrutor, que, benevolente, depois deixou o recruta ‘dar uma quarada’.

No acampamento, sono, fadiga e tensão são sensações impostas pelas atividades, vencidas à custa de muita determinação. “A fase inicial é a quebra da resistência. Reproduzimos situações extremas que eles vão passar no futuro, para aprenderem a agir mesmo quando o nível de estresse estiver alto”, explica o capitão Leandro Maia, chefe de Planejamento e Instrução.

Rigor em todas as atividades

Após a escolha do líder daquele dia, a tarefa do grupo de 17 recrutas era descer uma ribanceira, guardar o equipamento e sentar sob a tenda que serve de sala de aula. Tudo em dois minutos, com os instrutores fazendo a contagem regressiva. No último segundo, a turma se reuniu, mas a missão não foi cumprida: os ‘aspiras’ sentaram fora da ordem numérica.

A dureza do treinamento não é à toa. Formar-se ‘caveira’ significa atingir o mais completo nível na área de segurança pública. No currículo, constam aulas de gerenciamento de situações de risco, mergulho, rapel, negociação de reféns, montanhismo, sobrevivência, técnicas especiais de tiro, explosivos, combate corpo a corpo e em áreas de alto risco, entre outras modalidades.

Cada curso é preparado com dois anos de antecedência. A estrutura conta com 80 PMs se revezando nas instruções.

Durante a visita, os alunos não puderam falar ou sequer olhar para a equipe de O DIA. No único momento em que foi autorizado a falar, o recruta 07 resumiu o sentimento de todos ali: “Espero que, um dia, vocês tenham orgulho de nós”.

Cerimônia do adeus dos ‘aspiras’

As três badaladas fúnebres no sino representam a ‘morte’ do aluno. É o fim da linha no Curso de Operações Especiais para quem não aguentara o rigoroso treinamento ou não se sai bem nas avaliações. O ritual de quem deixa o acampamento é cercado de simbolismo, como um funeral de verdade. Em um pequeno cemitério, o ex-recruta deposita a lápide com o número de guerra. À frente dos túmulos, uma placa dispensa explicações: “Aqui jazem os fracos”.

Os ‘caveiras’ gostam de espalhar a lenda de que as ‘almas’ de quem partiu ficam vagando pelo vale de Ribeirão das Lajes, até que o policial passe no curso e a resgate. “O aluno passa por um ritual de desligamento não para ser humilhado, mas para carregar dentro dele a vontade de querer voltar e fazer o seu melhor”, explicou o capitão Marcelo Corbage. Ele preferiu não tocar o sino durante a reportagem: “A energia é muito forte”.

As sensações são ainda mais intensas para quem volta para casa sem a missão cumprida. Os ex-alunos passam por entrevista e acompanhamento psicológico oferecido pelo Bope, para diminuir a frustração. Para ingressar na tropa de elite, o policial passa pelo Curso de Ações Táticas (CAT) ou pelo COEsp, o único que garante o status de ‘caveira’.

Mudança de filosofia

“A essência e o ideal do Bope estão sintetizados no curso. Carregar aquele distintivo não tem preço. A devoção é grande porque a gente acredita em um trabalho sério. Para chegar ao fim, o aluno não precisa de músculos, mas tem que vencer a batalha com a sua mente, suportar a pressão. Quando não conseguem, se sentem derrotados e até choram”, conta o comandante da unidade de elite, tenente-coronel Paulo Henrique Azevedo de Moraes.

Há 20 anos, o oficial conquistou a tão sonhada insígnia. De lá para cá, ele conta, muita coisa mudou no COEsp. “Tinha muitos reflexos da filosofia do Exército, de uma época linha-dura. Mudamos o planejamento, aumentamos o nível de conhecimento dos instrutores. Fomos buscar intercâmbio com outras forças para oferecer o que há de melhor. Temos que estar sempre um passo à frente para que o serviço prestado à população tenha qualidade máxima”, disse o oficial, que, na aula inaugural do 18º COEsp, comemorou as duas décadas de sua formação com almoço reunindo ‘caveiras’ desde a primeira geração.

Antes do treinamento, recrutas passam por uma série de palestras para se ambientar ao que está por vir. Eles recebem informações sobre os exercícios e até como organizar as contas e a rotina da família durante os seis meses de ausência. “O sofrimento nos une. A gente não demonstra, mas torce muito por eles. Cada aluno que vence é uma vitória pessoal para nós”, emociona-se Paulo Henrique.

FONTE: O Dia
Fonte: http://sdglaucia.blogspot.com/

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Representantes da Polícia e dos Bombeiros militares lançam suas pré-candidaturas

Para amparar a categoria dos Policiais e Bombeiros militares do Estado de Rondônia, a pedido da própria categoria, estão lançando suas pré-candidaturas o Sargento Júnior e o Cabo Anjos, à federal e estadual respectivamente, pelo Partido Comunista do Brasil (PCdoB).


Em entrevista ao jornal eletrônico O OBSERVADOR, os policiais dão ênfase ao esforço que deve ser aplicado para defender os interesses da classe, sempre com a preocupação do bem estar da tropa, e dos policias e bombeiros que estão nas ruas diariamente no combate à criminalidade, resolvendo e solucionando problemas do cotidiano dos rondonienses, uma vez que na opinião deles, os agentes não sentem nenhuma preocupação por parte do poder público.

“ – Os policiais e bombeiros militares necessitam um salário digno, pois o salário pago hoje à Polícia e ao Corpo de Bombeiros deixa a desejar. O Estado de Rondônia está entre os 10 (dez) melhores PIB’s do país, e paga um salário que figura entre os 20 piores” – avalia Cabo Anjos.

CAPACITAÇÃO

A dupla de policiais também explica que se os próprios policiais e bombeiros optarem por uma melhor capacitação, para se profissionalizar, têm que tirar dinheiro do próprio bolso para participar dos cursos.
ESCALA DE TRABALHO
Os pré-candidatos querem lutar também por uma escala de trabalho livre. Em que os policiais e bombeiros trabalhem dentro do seu horário, mas sem subitamente serem deslocados para outras funções.

Segundo Anjos e Júnior, o lançamento de suas pré-candidaturas é fruto de um clamor dos que trabalham dentro da Polícia Militar.

PSICOLÓGICO

“ – Temos que nos preocupar com a questão do amparo psicológico do policial e do bombeiro militar. Em Rondônia não há acompanhamento psicológico para ambos. Ele (agente) vai pra rua, participa de ações de elevado estresse, e não há acompanhamento médico para avaliá-lo, deixando o profissional à mercê de más escolhas, que poderiam ter sido avaliadas e tratadas. Minas Gerais investiu no campo psicológico do policial, São Paulo do mesmo jeito, e nesse quesito, não há reclames” – explica o Sargento Júnior.

SOCIAL

Os pré-candidatos querer inteirar socialmente a categoria, uma vez que já realizam torneios de futebol e vôlei, mas consideram pouco. Essa preocupação é para que os policias passem a se conhecer mais, e que o lazer funcione como uma válvula de escape para o serviço que é tão estressante.

VALORIZAÇÃO SALARIAL

“ – Damos como exemplo Sergipe e Mato Grosso do Sul. Sergipe oscila entre 20 e 23 PIB do país e paga um salário digno aos policiais e bombeiros militares, e é um dos Estados mais próximos da PEC 300, que deverá dar uma salário digno a esses trabalhadores.” – finalizam


Fonte: http://renataaspra.blogspot.com/

quinta-feira, 24 de junho de 2010

PEC 300 na voz do Brasil!



quinta-feira, 24 de junho de 2010

24 de Junho de 2010


LOC- ARNALDO FARIA DE SÁ, do PTB de São Paulo, lamentou a decisão da Câmara em adiar a votação da PEC 300 para início de julho. Ele espera ainda que a Casa dê celeridade na votação da PEC 308, que cria a Polícia Penal.
LOC- ARNALDO FARIA DE SÁ fez ainda um apelo aos líderes partidários para incluir na pauta de votação da Casa a proposta que amplia as competências das guardas municipais.
LOC- MARÇAL FILHO, do PMDB de Mato Grosso do Sul, considera insatisfatório o ritmo dos trabalhos na câmara e afirmou que existem matérias de grande importância para serem votadas. O deputado destacou a PEC 300, cuja votação em primeiro turno não foi concluída.
LOC- MARÇAL FILHO ressaltou que a segurança pública já foi um problema exclusivo dos grandes centros, mas atualmente, segundo o parlamentar, até as menores cidades do interior estão preocupadas com o aumento da criminalidade.
LOC- LINCOLN PORTELA, do PR mineiro, criticou declarações de representantes do governo federal de que se os parlamentares continuassem votando matérias que trazem despesas aos cofres da União não teriam participação no Orçamento. Ele classificou a ameaça de absurda.
LOC- LINCOLN PORTELA voltou a cobrar a votação da PEC 300, que trata do piso salarial para policiais e bombeiros e da PEC 308, que cria a polícia penitenciária, entre outras matérias que, na avaliação do deputado, visam melhorar a segurança pública no Brasil.
LOC- PAES DE LIRA, do PTC de São Paulo, criticou declaração do líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza, de que a votação da PEC 300 pode ser adiada para o mês de julho.
LOC- PAES DE LIRA observou que as categorias beneficiadas pela proposta já estão cansadas de não verem cumpridas as promessas de que a matéria voltaria à pauta do Plenário e a votação concluída.
LOC- CAPITÃO ASSUMÇÃO, do PSB capixaba, lamentou a morte do soldado Dilson Carlos de Souza, que perdeu a vida num acidente de carro. Ele contou que o soldado era de Cachoeiro de Itapemirim e voltava de Guarapari, onde realizava um trabalho informal para complementar a renda familiar.
LOC- CAPITÃO ASSUMÇÃO lembrou que mais de 80 por cento dos agentes de segurança pública no estado fazem trabalhos informais para reforçar a renda, problema que, na visão do deputado, poderia ser minimizado com a aprovação da PEC 300.

Fonte: Blog do Capitão Assumção
Fonte: http://dinizk9.blogspot.com/

Lula libera mais de R$ 300 milhões para reconstrução das cidades em PE


Publicado em 24.06.2010, às 14h02
Do JC Online
Com informações de Daniel Guedes, do Blog de Jamildo, direto do local

Presidente foi bastante assediado pelas ruas de Palmares e passeou em meio à lama que se acumula pela cidade
Foto: João Valadares / Especial para o JC Online O presidente Lula deixou o município de Palmares, na Mata Sul, por volta das 14h desta quinta-feira (24), em direção ao Estado de Alagoas, onde visita outras cidades atingidas pelas chuvas. Em sua passagem, anunciou a liberação de crédito de R$ 296 milhões para o Estado de Pernambuco, além de outros R$ 51 milhões, que serão divididos com o Estado de Alagoas para recuperação de escolas públicas estaduais. Além disso, o Governo Federal abrirá linha de crédito de R$ 1 bilhão para comerciantes, pequenas e médias empresas, com o intuito de recuperar a economia local.

Do JC Online
http://jc.uol.com.br/canal/jc-interior/zona-da-mata/noticia/2010/06/24/lula-libera-mais-de-r-300-milhoes-para-reconstrucao-das-cidades-em-pe-226541.php

Força Nacional vai ajudar a combater saques em Alagoas e Pernambuco



24/06/2010 12h29 - Atualizado em 24/06/2010 12h49

Nos dois estados, foram confirmadas 45 mortes.

Do G1, em São Paulo

A região de Rio Largo, em Alagoas, foi uma das
mais prejudicadas (Foto: Glauco Araújo/G1)
Integrantes da Força Nacional de Segurança Pública devem chegar a Pernambuco e Alagoas nesta quinta-feira (24). Segundo o Ministério da Justiça, eles vão participar do trabalho de socorro, resgate e localização das vítimas das chuvas que atingiram os dois estados.
Entre os profissionais, estão 37 bombeiros especialistas em trabalhar em águas turvas e 40 policiais que vão reforçar a segurança para evitar saques.
Os estados da Bahia, do Maranhão e do Distrito Federal e a Força Nacional também cederam helicópteros que devem ser usados nos trabalhos de resgate.
Em Alagoas e em Pernambuco, foram confirmadas 45 mortes causadas pela chuva, desde a semana passada. Mais de 160 mil pessoas saíram de suas casas nos dois estados.

Fonte: G1

A Polícia Militar de Pernambuco conclama a família policial militar para apoiar a campanha interna ABRACE UM COMPANHEIRO.



Devido às fortes chuvas na Zona da Mata Sul, que inundaram 54 cidades da região, vários companheiros de farda estão desabrigados. Várias cidades decretaram estado de calamidade, ou seja, a população não tem o que comer, beber ou sequer como se vestir.

O Comando da PMPE convoca a família policial militar para se integrar em uma ação de solidariedade para com os nossos irmãos de farda, através da doação de água mineral e roupas (limpas e em condições de uso) , que será coordenada pelo Centro de Assistência Social (CAS).

As doações devem ser entregues no hall de entrada do Quartel do Comando Geral (QCG), no Derby, das 7h às 17h.

SEJA SOLIDÁRIO! ABRACE UM COMPANHEIRO!

terça-feira, 22 de junho de 2010

Votação do pré-sal deve ser adiada mais uma vez por falta de quórum


segunda-feira, 21 de junho de 2010
Pré sal e PEC 300 DEVEM SER ADIADAS MAIS UMA VEZ POR FALTA DE QUÓRUM



Agência Brasil


A votação do projeto de lei que cria o fundo social e que trata do sistema de partilha na exploração do pré-sal, programada para esta semana, será adiada mais uma vez. A previsão foi feita há pouco pelo líder do governo na Câmara, deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP). “Desconfio que não vai ter quórum para votar nesta semana. Acho temerário convocar votação para esta semana, sabendo de antemão que não vai ter quórum”.
Quanto à votação da proposta de emenda à Constituição (PEC 300), que cria o piso salarial para os policiais, Vaccarezza informou que ela será votada juntamente com o pré-sal, quando tiver quórum suficiente. “Vamos votar a PEC 300 com uma outra redação. Não é aquela redação”, disse ao se referir a proposta que coloca na Constituição o valor do piso dos policiais.

Fonte: http://renataaspra.blogspot.com/

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Comando fará ‘pegadinhas’ para testar PMs nas ruas


Comando fará ‘pegadinhas’ para testar PMs nas ruas
publicado em 21/06/2010

SE A MODA PEGA?

Comando fará ‘pegadinhas’ para testar PMs nas ruas
Objetivo é avaliar se a equipe está cumprindo as orientações recebidas
TAHIANE STOCHERO
tahiane.stochero@diariosp.com.br

“Atenção. Viatura M 11-040, dirigir-se com urgência à Avenida Liberdade, numeral 400. Roubo em andamento com retenção de vítima. Cautela no deslocamento porque os bandidos estão fortemente armados.”

O chamado do Centro de Operações da PM (Copom) poderia até ser ocorrência de verdade, mas é apenas uma pegadinha. Contudo, os policiais terão que se acostumar porque, a partir de junho, simulações desse tipo passarão a ser mais frequentes em todas as regiões da capital. O objetivo é testar o comportamento da tropa nas ruas, em diversas situações. E o mais importante: eles sempre serão pegos de surpresa.

Controle emocional
“Serão ocorrências fictícias, para avaliarmos a instrução dos PMs e a obediência dos procedimentos de serviço. A equipe estará na rua patrulhando normalmente e só perceberá se o chamado é verdadeiro ou não quando chegar ao local”, explica o comandante do policiamento da capital, coronel Marcos Roberto Chaves. A simulação também visa avaliar o controle emocional dos policiais.

O oficial já havia realizado esse tipo de procedimento quando comandava a área do Centro. Porém decidiu expandi-lo após as mortes de entregador de pizza e um motoboy.

Na opinião do coronel, não houve racismo em nenhuma das ocorrências e nega falta de comando na linha de frente. Segundo ele, o afastamento do tenente-coronel e do capitão que chefiavam os PMs que mataram o entregador Alexandre Menezes, não foi punitivo.
Ao contrário do que se fala, os dois oficiais prenderam os PMs que mataram o entregador logo após o crime e determinaram abertura de inquérito. Estranhamente, porém, foram afastados e a decisão divulgada pela Secretaria da Segurança quando o comandante da PM, coronel Álvaro Camilo, estava em Brasília.

Outra medida implantada pelo coronel Chaves é a análise detalhada de todas as resistências (morte de suspeitos em confronto). “Além da investigação, todos os PMs que se envolverem em resistência terão que falar comigo e me explicar como ocorreu o caso”, diz. E explica: “Não tenho dúvidas sobre a legalidade da ação. Meu objetivo é verificar as circunstâncias em ocorreu”.

Também serão avaliados todos os tiroteios que resultaram em feridos. Uma das principais metas do coronel Camilo à frente da corporação é reduzir o índice de mortes.

No sábado o DIÁRIO publicou uma das primeiras medidas do novo corregedor da PM, coronel Admir Gervásio Moreira. Ele determinou, dois dias após assumir o cargo, a implantação do Patrulhamento Disciplinar Ostensivo (PDO) também à noite. Por esse procedimento, a Corregedoria fiscalizará a atuação dos policiais nas ruas e verificará o cumprimento das normas, com vistas a reduzir as resistências.

fonte: http://www.diariosp.com.br/Noticias/Dia-a-dia/6378/Comando+fara+%91pegadinhas%92+para+testar+PMs+nas+ruas

Fonte: http://www.capitaoaugusto.com.br/detalhe_noticias_novo.php?id=80

PODER DOS SUCOS

PODER DOS SUCOS


BEM-VINDO AOS SUCOS

"Meu mais sincero desejo é que esta aula mude a sua vida. A mudança poderá ser gradual ou rápida, perceptível ou espantosa. Mas, desde que você comece a incluir sucos frescos em sua alimentação diária, garanto que irá sentir-se e parecer melhor".

Esta aula tem como objetivo ajudar vocês a adquirir os hábitos alimentares saudáveis, à medida que for descobrindo a diversão e a criatividade que existe em fazer e tomar sucos. Por favor , note que não estou advogando uma mudança drástica em sua dieta alimentar, mas incentivando você a tomar sucos regularmente, como suplemente para usa alimentação diária.

Algumas doenças sérias podem ser minoradas, ou talvez evitadas, pelo hábito de tomar sucos frescos. Mas entenda bem : os sucos não são remédios. São apenas alimentos puros e nutritivos que oferecem ao corpo vitaminas e sais minerais que ele necessita para se manter saudável.

Faço questão de que você use os sucos do modo certo.. É importante não esquecer que sua dieta se tornará mais sadia, fácil e agradável no momento em que você incluir nela sucos frescos como base, todos os dias.

Há outra grande vantagem nos sucos : eles significam um excelente modo de perder peso de maneira natural, sem que se tenha a sensação de estar sendo privado de algo. Sucos de vegetais contém baixas calorias e são praticamente sem gorduras, têm ótimo gosto e satisfazem.

Acredito que, se você introduzir sucos em sua vida, irá contribuir para sua saúde cardiovascular, ampliar sua capacidade física, ajudar a baixar sua pressão arterial, dormir bem, ter mais energia e melhor saúde do que pode imaginar.

Quando ingerimos frutas frescas e hortaliças, nossos corpos retiram das suas fibras os líquidos de que precisam; em seguida essas fibras passam para o trato digestivo inferior. Tomando sucos, você elimina uma etapa do processo digestivo - extrair o líquido das fibras - e oferece ao seu corpo, com mais eficiência, os nutrientes de que ele necessita. O suco feito em casa é muito diferente dos sucos em garrafas, latas, caixas. Primeiro é absolutamente fresco, o que é importante, porque os nutrientes perdem muito de seu valor depois de algum tempo que o suco foi feito. Segundo, não é pasteurizado, "cozido", e suas células vivas, recebidas de maneira direta pelo organismo, garantem a boa saúde. Terceiro e último, o suco fresco é absolutamente puro, livre de aditivos e conservantes.

Para se ter uma idéia uma xícara de suco de cenoura contém nutrição equivalente a de 4 xícaras de cenouras cruas, picadas. Sucos frescos, que, se ingeridos imediatamente depois de serem feitos, contém cerca de 95% do valor alimentício da fruta ou hortaliça. Neste processo o organismo recebe os nutrientes necessários : vitaminas e sais minerais.

É importante compreender a diferença entre sucos de frutas e de hortaliças. As hortaliças são mais difíceis de digerir que as frutas; tendem a ser mais pesadas e demoram mais a serem assimiladas pelo organismo. No entanto, quando se toma o suco de uma hortaliça, o corpo absorve imediatamente as partículas alimentícias.

OS SUCOS MAIS IMPORTANTES

Todas as frutas e hortaliças tem papéis importantes a desempenhar para manter a saúde boa, porém alguns mais do que outros. Suco de cenoura e de aipo devem se tornar logo parte de sua dieta diária. O suco de maçã é o único suco que pode ser misturado com qualquer suco de hortaliça.

Folhas verdes, tais como espinafre, salsa, alface e brotos, são de importância vital. Sucos de frutas cítricas é uma excelente fonte de vitamina C, muito necessária para o nosso corpo.

TODOS OS BENEFÍCIOS DO SUCOS À SAÚDE

A grande quantidade de alimentos crus, livra o corpo de toxinas, dando-lhe sensação refrescante e tornando-o energizando e relaxado ao mesmo tempo. Os alimentos puros suavizam a pele, tornam os cabelos brilhantes, a respiração livre, e todo sistema orgânico fica tão regulado, que você não precisará ,mais se preocupar com ele. Gripes e resfriados diminuem e se tornam muito mais espaçados.

Pesquisas demonstraram que o beta-caroteno desempenha um papel importante na prevenção de muitas doenças. Em ação ele funciona como um antioxidante, neutralizando moléculas nocivas conhecidas como radicais livres. Ao fazer isto, o beta-caroteno protege a valiosa carga genética que existe em cada célula, para garantir sua saúde, diminuindo as possibilidades do envolvimento das doenças,

Hoje em dia a comunidade médica aconselha o consumo de mais hortaliças que contenha beta-caroteno para evitar certos tipos de câncer. Fontes : cenoura, agrião, couve-flor,espinafre, nabo, brócolis e abóbora.

A clorofila é um outro elemento que se demonstrou muito valioso para os seres humanos. Encontrada apenas nas plantas, a clorofila aparece no combate ao crescimento de tumores.

Estes são alguns modos pelos quais os sucos frescos de frutas e hortaliças podem melhorar a sua vida e ajudar a prevenir uma série de doenças.



ALGUMAS DICAS IMPORTANTES :


tome os sucos assim que ficarem prontos.

não armazená-los na geladeira para consumo posterior.
quando tomar suco de hortaliças trate de mastigá-los.


ALGUMAS RECEITAS BÁSICAS



coquetel antivírus 2 maças e 1 laranja

regulador noturno 2 maçãs e 1 pêra

purificador de sangue 3 maças e 8 morangos

anti-úlcera ½ tomate,100g repolho,2 talos salsão

exterminador de manchas 6 cenouras ½ pimentão verde

depurador do corpo 2 cenouras, ½ pepino, ½ beterraba

coquetel baixa-colesterol 5 cenouras, ½ maçã,1 pedaço gengibre

1 punhado de salsinha

digestivo especial 6 cenouras e 7 folhas espinafre

cabelos brancos 100g repolho,7 folhas espinafre

4 cenouras

evitar fadiga muscular 4 cenouras, 1 aspargo 1 talo salsão

coquetel estimulante energia 6 cenouras, 5 ramos salsinha

envelhecimento geral salsão, melancia, cenoura e salsinha

unhas quebradiças pepino

osteoporose cenoura, couve e brócolis

artrite repolho, salsão



RECEITA ESPECIAL

SUCO PELE DE CETIM: excelente para resfriados e náusea. Contribui para a suavidade da pele. É indicado para levantar o ânimo. É o verdadeiro suco do renascimento.

Ingredientes : 5 cenouras, 1 maçã e 1 pedaço de gengibre.


CONCLUSÕES

Não estou promovendo curas milagrosas. Não há qualquer mágica nisto. Apenas ofereço um valioso conselho ditado pelo bom senso : comam bem, façam exercícios, durmam bastante, meus amigos, irão sentir-se muito melhor e ter uma vida mais saudável.

Fonte: http://ww.saudevidaonline.com.br/artigo55.htm

Segurança da Câmara quer chamar a polícia para conter a polícia

Segurança da Câmara quer chamar a polícia para conter a polícia

Tags: Câmara, Cândido Vaccarezza, Michel Temer, PEC, polícia, proposta de emenda constitucional

A situação é de tirar o sono para o comando da segurança da Câmara, que teme enfrentar mais uma invasão na Casa na semana que vem, quando o plenário deve votar destaques da PEC-300/08, a proposta de emenda constitucional que cria um piso salarial para policiais militares e civis de todo o país. Depois desta quarta, quando mais de 100 policiais que defendem a medida invadiram a Câmara e houve empurra-empurra e constrangimento de parlamentares, a segurança cogita chamar a polícia para defender a Câmara da própria polícia. A questão será submetida ao presidente Michel Temer, que retorna de missão no exterior neste final de semana.

O que assusta, além da atitude dos manifestantes, é o lema do grupo: “PEC 300, é matar ou morrer”, e a perspectiva de entrada de armas no Congresso. Em situações de invasão, como a de quarta, a segurança reconhece que é impossível evitar que algum manifestante entre armado, já que o detector de metal não é respeitado.

A PEC já foi aprovada em primeiro turno, pela Câmara. O texto estabelece piso salarial de R$ 3,5 mil para praças e de R$ 7 mil para oficiais, além de criar um fundo para arcar com as despesas do aumento. Mas quatro emendas que ainda serão apreciadas fazem modificações ao texto. Uma delas prevê que o valor do piso salarial seja estabelecido por lei complementar. O governo é contra a fixação do valor na Constituição.

O líder petista, Cândido Vaccarezza, que chegou a ser acuado pelos manifestantes na quarta, garante que a promessa de votar a emenda está garantida, e ressalta que “criar confusão só atrapalha”.

Fonte:
http://noticias.r7.com/blogs/christina-lemos/2010/06/18/seguranca-da-camara-quer-chamar-a-policia-para-conter-a-policia/

Fim do 13º salário não é verdade. "Notícia 'internética' é um spam"

Publicada 01/06/2010
Fim do 13º salário não é verdade. "Notícia 'internética' é um spam"
Mais uma vez volta a circular na internet uma "informação" que desinforma e desorganiza o debate no movimento sindical. Trata-se de mensagem eletrônica que diz que foi aprovado na Câmara dos Deputados o fim do 13º salário.

A notícia é falsa. Diante de várias consultas feitas à assessoria parlamentar do DIAP, decidimos veicular novamente esta informação para lançar luz às desinformações sobre o "fim do 13º salário" e outros direitos dos trabalhadores.

No final de março de 2006, a assessoria parlamentar do DIAP, informou por meio da agência de notícias do órgão, que a aprovação do fim do 13º pelo Congresso era e é falsa, reafirmamos.

A mensagem é veiculada em períodos pré-eleitorais, a fim de desmoralizar o Congresso.
A proposição que mais se aproximava disso, o PL 5.483/01, enviado ao Congresso pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, tinha por finalidade flexibilizar a CLT, mediante modificação no artigo 618, para permitir a prevalência do negociado sobre o legislado.

Ou seja, o projeto autorizava que a negociação coletiva pudesse reduzir ou eliminar direitos trabalhistas. Mas aquele projeto, que havia sido aprovado na Câmara e aguardava votação conclusiva no Senado, foi retirado de tramitação pelo Governo Luiz Inácio Lula da Silva logo no primeiro ano do primeiro mandato, portanto em 2003.

Resistência na Comissão de Trabalho
O projeto, elaborado na gestão do ex-ministro do Trabalho e Emprego, ex-deputado e atual senador Francisco Dornelles (PP/RJ), apesar da grande resistência do movimento sindical e da luta do então deputado e atual senador Paulo Paim (PT/RS), foi aprovado na Câmara e enviado para apreciação do Senado. Nesta Casa, a matéria ainda chegou a tramitar sob o número de PLC 134/01.

A resistência e combate ao projeto na Comissão de Trabalho da Câmara foram implacáveis; a ponto de a matéria não ser aprovada no colegiado. O que obrigou o presidente da Câmara à época, deputado Aécio Neves (PSDB/MG), a avocar [chamar para si] o projeto para votação diretamente no plenário da Casa.

Entretanto, o presidente Lula, que havia assumido o compromisso de sustar a tramitação do projeto, enviou a Mensagem 78/03, pedindo o arquivamento do PLC 134. Assim, em sessão do dia 10 de abril de 2003, a mensagem foi lida e aprovada pelo plenário do Senado, sendo o projeto definitivamente arquivado.

O Senado Federal, por intermédio do Oficio 594, de 08/05/03, endereçado ao ministro de Estado Chefe da Casa Civil da Presidência da República, encaminhou a Mensagem 60/03 (SF), ao Excelentíssimo Senhor presidente da República, participando sobre o arquivamento do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 134. A "notícia", portanto, é falsa!

Fonte:
http://www.cutdf.org.br/novo/cut_default.aspx?cmx=589

sábado, 19 de junho de 2010

ACS – PE tem documentos falsificados

ACS – PE tem documentos falsificados
Imprensa | Publicado: 18/06/2010 às 15:57:45 | Visitas: 313

Um fato estarrecedor deixou em alerta a diretoria da Associação Pernambucana dos Cabos e Soldados (ACS – PE). Na segunda-feira (14/06), por volta das 15h, os funcionários da Receita Federal estranharam a presença um homem, portando documentos com assinaturas do coordenador Renílson Bezerra. O homem, cujo nome é José Edson Bezerra, tentava obter a qualquer custo, uma declaração sobre Tributos dos Funcionários da ACS - PE. Diante da atitude suspeita, a Polícia Militar foi acionada e o homem preso. O assunto foi divulgado na Imprensa, em matéria da Folha de Pernambuco (segue abaixo).



FOLHA DE PERNAMBUCO

18/06/10 – POLÍCIA

SANTO AMARO -

Preso por falsificação de certidão

JULIANA ARETAKIS

Acusado de falsificação de documentos, o despachante José Edson Bezerra, 56, foi levado na noite de anteontem para o plantão da Delegacia de Santo Amaro. O homem foi detido na Receita Federal, quando tentava retirar uma certidão com uma procuração falsa do presidente da Associação dos Cabos e Soldados de Pernambuco, Renilson Bezerra, que já havia retirado o documento na manhã do mesmo dia. Sob a suspeita de fraude, funcionários da Receita Federal entraram em contato com Renílson, que acionou a Polícia. A referida certidão se tratava de um dos meios legais para o afastamento de quatro diretores da Associação, que cometeram infrações administrativas.

Na Delegacia de Santo Amaro, Renílson apresentou os documentos falsos que estavam em poder de José Edson, com claras distorções de assinaturas e número de documentos. “Ele tentou pegar essa certidão no meu lugar e falsificou todos os meus documentos. Eu não dei a ninguém esses documentos, era claro o interesse dele ou de quem estiver por trás de me tirar da presidência da Associação”, afirmou.

Em depoimento à delegada Marta Monteiro, o acusado alegou ser inocente e disse não saber de que se tratava os documentos. A delegada segue com as investigações para descobrir o mandante do crime. “Nós temos que esperar a perícia para saber se esses documentos são realmente falsos, pois até agora não há nada que prove a possível fraude ou quem a realizou”, afirmou.

Fonte:
http://www.acspe.com.br/sub_paginas/menu_noticias/noticias_ver.php?codigo=000491

sexta-feira, 18 de junho de 2010

sexta-feira, 18 de junho de 2010STJ decide que todos funcionários públicos seja ele Federal, Estadual ou Municipal tem direito a URV

sexta-feira, 18 de junho de 2010STJ decide que todos funcionários públicos seja ele Federal, Estadual ou Municipal tem direito a URV, procure suas associações, clube etc. Mas deu prazo de trinta dias para que interessados se manifestem sobre o incidente de uniformização de jurisprudencia dos juizados especiais federais que discute se o prazo para requerer judicialmente o reajuste nos vencimentos decorrente da Unidade de Referência de Preços (URV) alcança o fundo de direito...
Reajuste em vencimento

Urv todos tem direito a recebê la decide stj, seja o funcionário federal estadual ou municipal

Superior Tribunal de Justiça deu prazo de 30 dias para que interessados se manifestem sobre o incidente de uniformização de jurisprudência dos juizados Especiais Federais que discute se o prazo para requerer judicialmente o reajuste nos vencimentos decorrente da Unidade de Referência de Preços (URV) alcança o fundo de direito.

Segundo o STJ, a prescrição do direito ao reajuste de vencimentos relativos da URV não alcança o fundo de direito, apenas as parcelas anteriores ao quinquênio (período de cinco anos) que precedeu o ajuizamento da ação.

Na petição, Eltrom Cearense Gomes sustenta que a Turma Nacional de Uniformização de Jurisprudência (TNU) dos Juizados acolheu a orientação contrária à jurisprudência dominante do STJ. Com informações da Assessoria de Imprensa do STJ.

PET 7.288
Postado por Adeilton9599

Chuva deixa 13 municípios em emergência em Pernambuco



18/06/2010 19h49 - Atualizado em 18/06/2010 20h06

Chuva deixa 13 municípios em emergência em Pernambuco
Nove pessoas morreram no estado por causa dos temporais.
Mais de 10,5 mil pessoas tiveram de deixar suas casas.
Do G1, em São Paulo

Município de Palmares, em Pernambuco, foi um dos mais atingidos pela chuva (Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem/AE)O governo de Pernambuco informou, nesta sexta-feira (18), que vai homologar os decretos de estado de emergência de 13 municípios atingidos pelas chuvas. As cidades em situação crítica são: Amaraji, Catende, Cortês, Escada, Jaqueira, Maraial, Palmares, Ribeirão, Sirinhaém, Vitória, Barra de Guabiraba, Bom Conselho e Correntes.

Outros 29 municípios estão em estado de alerta.

De acordo com a Defesa Civil, nove pessoas morreram por causa das chuvas em Pernambuco. Um óbito foi registrado em Cortês. Outras oito mortes - entre elas a de um bebê - ocorreram no Recife.


Corpo de bebê é encontrado em escombros no Recife Pernambuco confirma oito mortes causadas pela chuvaChuva causa interdição de 12 casas no RecifeDe acordo com o governo do estado, três mil cestas básicas serão enviadas para as cidades de Ribeirão, Cortês e Barra de Guabiraba, que estão entre as mais atingidas.

Mais de 10,5 mil pessoas tiveram de sair de casa por causa das chuvas no estado. A Defesa Civil informou que 4.969 pessoas desabrigadas e outras 5.573 desalojadas.

Recife


Nesta sexta, foram registrados 44 deslizamentos em diversos bairros. Por causa das chuvas, as aulas noturnas foram suspensas em todas as escolas municipais da capital.

A prefeitura decretou Estado de Alerta Máximo na quinta-feira (17). Com a medida, as secretarias e órgãos ligados à Defesa Civil têm como prioridade o atendimento às ocorrências relacionadas ao mau tempo. As famílias prejudicadas já receberam colchões, lençóis e alimentos.
Fonte:http://g1.globo.com/brasil/noticia/2010/06/corpo-de-bebe-e-encontrado-em-escombros-no-recife.html

Os servidores estaduais vão passar os festejos juninos com dinheiro no bolso



Os servidores estaduais vão passar os festejos juninos com dinheiro no bolso. Por determinação do governador Eduardo Campos o pagamento, que estava previsto para ser efetuado entre os dias 28 e 30 deste mês foi antecipado em uma semana e agora será realizado entre os dias 21 e 23.

O primeiro dia será reservado aos aposentados e pensionistas, o segundo dedicado aos servidores ativos da Secretaria de Educação e, no último dia, receberão seus salários os demais servidores ativos do Estado. O valor da folha de pagamento de junho é de R$ 480 milhões para 215 mil contracheques.

REGULARIDADE NO PAGAMENTO – O governador Eduardo Campos, desde o início da gestão, organizou o calendário e firmou um compromisso com o servidor de que todos os pagamentos seriam efetuados no mês de competência. Nos meses em que se comemoram feriados tradicionais no Estado, o Governo se empenha para antecipar o pagamento para que o seu servidor aproveite as datas financeiramente de forma tranquila. Está sendo assim desde 2007 quando os salários foram pagos antes do São João e do Natal.


Postado: forcaunica

Prioridade do governo é votar pré-sal e PEC 300 na próxima semana (Será???)

sexta-feira, 18 de junho de 2010
Prioridade do governo é votar pré-sal e PEC 300 na próxima semana (Será???)

O líder do governo, deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), afirmou nesta quinta-feira que a prioridade do governo para a semana que vem é a votação do marco legal para a exploração de petróleo na área do pré-sal. Segundo ele, se não der para derrubar a emenda que distribui os royalties do petróleo para todos os estados, modificando a atual destinação para os estados produtores, o governo poderá vetar a medida.
“Eu estou pressionando para nós discutirmos o pré-sal na semana que vem. Nós temos uma redação para a PEC 300. Naturalmente que essa redação não agrada aos representantes dos soldados aqui, mas agrada aos soldados da base. Então eu quero votar a PEC 300 e o pré-sal juntos. Primeiro o pré-sal, depois a PEC. Ou na terça ou na quarta. Mas antes do recesso nós vamos votar.”

O deputado explicou que o governo ainda vai decidir qual será a sua posição sobre as mudanças feitas pelo Senado na divisão dos recursos do fundo social que será formado com a arrecadação do petróleo. O líder do governo reconheceu, porém, que a semana será difícil porque inclui os festejos de São João, os jogos da Copa do Mundo e a preocupação permanente com as eleições.

Tumulto Na quarta-feira (16), policiais causaram tumulto na Câmara ao pressionar pela aprovação de piso salarial da categoria prevista em propostas de emenda à Constituição (PECs 300/08, 340/09 e 446/09). A manifestação ocorreu no corredor de acesso à sala da Liderança do Governo. A Polícia Legislativa chegou a ser acionada para conter os ânimos exaltados.

O governo defende a aprovação da PEC 300/08, mas com uma nova redação. O texto garante o direito de um piso salarial para policiais e bombeiros, mas o valor e os detalhes do fundo de onde sairão os recursos somente seriam definidos em um futuro projeto de lei complementar. Esse projeto será enviado ao Congresso Nacional 180 dias após a promulgação da emenda constitucional.

Reportagem – Sílvia Mugnatto/Rádio Câmara Edição – Ralph Machado -
Sgt Wellington coloborador (blog da renata)

O governador Eduardo Campos irá decretar situação de emergência



GRANDE RECIFE // CHUVAS
Governador vai decretar situação de emergência
Publicado em 18.06.2010, às 11h46
Do JC Online

Eduardo Campos durante sobrevoo
Fotos: Roberto Pereira/SEI/ Divulgação
ATUALIZADO ÀS 13h04

O governador Eduardo Campos irá decretar situação de emergência ainda nesta sexta-feira (18). Segundo a Assessoria de Imprensa do Governo, o Estado está avaliando a real situação dos municípios. A expectativa é que as cidades de Barra de Guabiraba, no Agreste Central, Cortês e Vitória, na Mata Sul, sejam incluídas na lista que só será divulgada por volta das 16h. Os municípios de Catende, Amaraji e Belém de Maria também deverão estar na lista.
A situação de emergência é caracterizada quando os prejuízos econômicos e sociais de uma determinada área ultrapassam o equivalente a 10% do seu Produto Interno Bruto (PIB). O governador também assinou um decreto liberando R$ 2,5 milhões para a compra de botes infláveis, barcos de alumínio, cordas, lonas e outros equipamentos que serão utilizados nos trabalhos de resgate das vítimas e na prevenção de novos desastres.
Eduardo sobrevoou áreas atingidas pelas chuvas no Grande Recife, nesta sexta, para avaliar os estragos. No sobrevoo, estavam ainda o coordenador-geral da Codecipe, tenente-cororel Ivan Ramos e o secretário-chefe da Casa Militar, Cel. Mário Cavalcanti.

INTERATIVIDADE
» Registrou algum vídeo? Mande para o Notícia.com
» Acesse o mural e diga de que forma você foi afetado pelas chuvas
» http://www.twitter.com/jctransito
A primeira reunião do Gabinete de Crise, formado por técnicos, prefeitos de diversos municípios, além de Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Laboratório de Metereologia de Pernambuco (Lamepe), aconteceu nessa quinta-feira, no Palácio do Campo das Princesas. Estiveram presentes os prefeitos João da Costa (Recife), Elias Gomes (Jaboatão dos Guararapes), Renildo Calheiros (Olinda), Lula Cabral (Cabo de Santo Agostinho) e Edvard Bernardo (Moreno).
Até o momento, foram registradas nove mortes em Pernambuco. Uma delas aconteceu em Cortês, na Mata Sul do Estado, um dos municípios mais atingidos pelas chuvas no interior. Um homem identificado apenas por José Heleno, de 37 anos, estava em casa, quando uma barreira de terra deslizou, destruindo a residência e matando o homem soterrado.
Três irmãs morreram soterradas após um deslizamento atingir duas casas no Córrego do Sargento, na Linha do Tiro, Zona Norte do Recife. Segundo testemunhas, o incidente ocorreu por volta das 21h30 dessa quinta-feira (17). As meninas foram identificadas como Eduarda de Andrade Costa, de 3 anos, Cristiane de Andrade Costa, de 12, e Luana Marques da Fonseca, de 9. Os pais delas, Mauriceia de Andrade e José Ednaldo Pereira da Silva, conhecido como Dão, estavam desaparecidos, mas foram retirados dos escombros já mortos.
Já no Córrego do Curió, em Dois Unidos, um homem foi encontrado sem vida em um deslizamento. Um bebê de oito meses também morreu no local. No mesmo bairro uma criança de 1 ano foi soterrada em um deslizamento. Ela morreu a caminho do hospital.

Fonte: JC Online

PEC 300 - É Matar ou morrer

PEC 300 - É Matar ou morrer
Veja no blog do adeilton:

http://adeilton9599.blogspot.com/

http://www.youtube.com/watch?v=9JnX2XuP-2Q&feature=player_embedded#!

quarta-feira, 16 de junho de 2010

A dengue no Brasil é transmitida por uma espécie de mosquito



A dengue no Brasil é transmitida por uma espécie de mosquito, o Aedes aegypti, que pica tanto durante o dia como à noite. O vetor se reproduz dentro ou nas proximidades de habitações, em recipientes onde se acumula água limpa (vasos de plantas, pneus velhos, cisternas, etc.).


COMO ELE SE COMPORTA? COMO ATACA?

O Aedes aegypti mede menos de um centímetro, tem cor café ou preta e listras brancas no corpo e nas pernas. O mosquito costuma picar nas primeiras horas da manhã e nas últimas da tarde, evitando o sol forte, mas, mesmo nas horas quentes, pode atacar à sombra, dentro ou fora de casa.

O Aedes aegypti se caracteriza por ser um inseto de comportamento estritamente urbano, sendo raro encontrar amostras de seus ovos ou larvas em reservatórios de água nas matas. Em média, o mosquito vive em torno de 30 dias e a fêmea chega a colocar entre 150 e 200 ovos de cada vez. Ela é capaz de realizar inúmeras posturas no decorrer de sua vida, já que copula com o macho uma única vez, armazenando os espermatozóides em suas espermatecas (reservatórios presentes dentro do aparelho reprodutor). Uma vez com o vírus da dengue, a fêmea torna-se vetor permanente da doença e calcula-se que haja uma probabilidade entre 30 e 40% de chances de suas crias já nascerem também infectadas.

Os ovos não são postos na água, e sim milímetros acima de sua superfície, em recipientes tais como latas e garrafas vazias, pneus, calhas, caixas d'água descobertas, pratos de vasos de plantas ou qualquer outro que possa armazenar água de chuva. Quando chove, o nível da água sobe, entra em contato com os ovos que eclodem em pouco mais de 30 minutos. Em um período que varia entre cinco e sete dias, a larva passa por quatro fases até dar origem ao mosquito adulto.

MODO DE TRANSMISSÃO

A fêmea do mosquito pica a pessoa infectada, mantém o vírus em sua saliva e o retransmite em novas picadas. A transmissão ocorre pelo ciclo homem-Aedes aegypti-homem. Após a ingestão de sangue infectado pelo inseto fêmea, transcorre nesta fêmea um período de incubação. Após esse período, o mosquito torna-se apto a transmitir o vírus e assim permanece durante toda a vida.


QUAL O AMBIENTE IDEAL?

As fêmeas e os machos (que geralmente acompanham as fêmeas) ficam dentro das casas. A temperatura mais favorável para o desenvolvimento da larva é entre 25 a 30ºC. Abaixo e acima destas temperaturas o Aedes aegypti diminui sua atividade. Acima de 42ºC e abaixo de 5ºC ele morre.

Muitas cidades brasileiras possuem as condições propícias para o desenvolvimento do Aedes aegypti. Temperatura e umidade relativa são primordiais para o desenvolvimento do mosquito e, principalmente, para manter os ovos viáveis mesmo fora d'água. Além de serem densamente povoadas, as cidades apresentam índices de umidade relativa do ar elevados e temperaturas entre 25 e 30ºC, condições ideais para a multiplicação do vetor. Por isso, é muito importante que todos participem do combate aos focos do vetor.

MITOS E ERROS SOBRE O MOSQUITO DA DENGUE

1 - AR CONDICIONADO E VENTILADORES MATAM O MOSQUITO - MENTIRA!

Quando se usa o ar condicionado a temperatura e a umidade baixam, isso inibe o mosquito. Ele tem mais dificuldade para detectar onde estará a possível vítima de sua picada. Porém não morrerá. Estes aparelhos apenas espantam o mosquito que poderá voltar em outro momento quando eles estiverem desligados.

2 – PARA MATAR OS OVOS DO MOSQUITO BASTA SECAR OS RESERVATÓRIOS DE ÁGUA PARADA - MENTIRA!

Não é apenas o simples ato de secar os reservatórios de água parada que irá impedir o mosquito da dengue de se reproduzir. É preciso limpar o local também, pois o ovo ainda pode ser manter "vivo" por mais de um ano sem água.

3 – REPELENTES SÃO FUNDAMENTAIS NO COMBATE À DENGUE - MENTIRA!

Repelentes, velas de citronela ou andiroba, ao contrário do que muita gente pensa, não tem muito efeito no combate à dengue, pois têm efeito indeterminado e temporário.

4 - TOMAR VITAMINA B AFASTA O MOSQUITO - MENTIRA!

Apesar de ser verdade que o mosquito é atraído pelo gás carbônico exalado pela respiração da pessoa, a ingestão de vitamina B - alho ou cebola também - (que têm cheiro eliminado pela pele) não é uma medida eficaz de combate à dengue.

Tomar vitamina B pode afastar mosquito, mais isso não dura muito e também irá variar de acordo com o metabolismo de cada pessoa, podendo até não ter efeito algum.

5 – QUALQUER PICADA DO MOSQUITO TRANSMITE O VÍRUS DA DOENÇA - MENTIRA!

Primeiramente é necessário que o mosquito esteja contaminado. Além disso, cerca de metade das pessoas picadas não desenvolvem a doença. Entre 20 e 50% vão desenvolver formas subclínicas da doença. Ou seja, sem apresentar sintomas. Mesmo assim, é importante em caso de dúvida ou qualquer suspeita procurar o posto de saúde mais próximo.

6 – BORRA DE CAFÉ NA ÁGUA DAS PLANTAS MATA OS OVOS DO MOSQUITO - MENTIRA!

A borra de café só é eficaz no combate ao mosquito da dengue em quantidades muito elevadas, sendo que já foi verificado na prática que a larva do Aedes aegypti se desenvolve em água suja de borra de café. Ao invés de usar a borra, tente eliminar os pratos dos vasos, ou coloque areia até as bordas deles de forma a eliminar a água. Lave também os pratos com bucha e sabão semanalmente. Isso sim é eficaz contra a dengue.

7 – AS LARVAS DO MOSQUITO SÓ SE DESENVOLVEM EM ÁGUA LIMPA - MENTIRA!

Embora as fêmeas do Aedes aegypti tenham preferência por depositar os ovos em recipientes com água limpa, elas também podem colocá-los em criadouros com água suja e parada. Então para combater a dengue, o importante é acabar com qualquer reservatório de água parada, seja limpa ou suja.
Para tomar medidas preventivas e impedir que a dengue chegue até a sua cidade ou município, a melhor atitude é combater os focos de acúmulo de água. Esses locais são propícios para a criação e reprodução do mosquito transmissor da dengue.

Ajude o Brasil a combater a dengue.

terça-feira, 15 de junho de 2010

Intoxicação alimentar

Quando for ao supermercado verifique o que está comprando, você poderá estar pagando para levar bactérias para casa. Ao entrar num supermercado reclamei poque a carne estava sendo manipulada sem luvas, não comprei, fui em outro local, alem da falta de luvas existia presença de moscas. Ao dar as costa ao vendedor ele me perguntou o que eu queria? Respondi dizendo: Comprar em um lugar que a carne fosse manipulada com luvas e sem presença de moscas, dizendo isso dei as costas e achei outro lugar, com a manipulação nos padrões de higiene. Cuidar da saúde as vezes sai caro pense nisso.
aureliopm.


Intoxicação alimentar


Lúcia Helena Salveti De Cicco


Causas mais comuns: A deterioração dos alimentos. O cozimento por complexo destrói as bactérias nocivas


"Deve ter sido alguma coisa que eu comi." Quantas vezes você já disse ao sentir um indisposição acompanhada de vômitos, dores de estômago e diarréia? De fato, os casos de uma ligeira intoxicação alimentar se tornaram tão comuns hoje em dia que dificilmente achamos necessário consultar um médico a respeito.

Intoxicação alimentar é o nome que se dá aos sintomas desagradáveis que uma pessoa experimenta depois de ingerir alimentos contaminados por certas bactérias nocivas. Contraindo a crença popular de que alimentos deteriorados costumam provocar intoxicação alimentar, as bactérias que deterioram os alimentos não são a causa mais comum desse distúrbio. Na realidade, esse tipo de intoxicação é muito raro porque, em geral, as pessoas não chegam a ingerir um alimento que está notoriamente estragado. Muito pelo contrário, a comida contaminada que realmente provoca a intoxicação quase sempre tem aparência, cheiro e gosto normais.


Tipos de intoxicação alimentar

Em geral, a intoxicação alimentar é provocada por três tipos de bactérias. Cada uma delas se desenvolvem num determinado tipo de alimento (necessitando de certas condições especiais para poder se multiplicar) e produz um conjunto deferente de sintomas.


Intoxicação por salmonela

As bactérias do tipo salmonela são a causa mais freqüente de intoxicação alimentar. Elas contaminam todos os tipos de carne usados na nossa alimentação, antes mesmo de o animal ser abatido. Depois que um animal é contaminado pela salmonela, ele se torna portador e propagador da bactéria, pois, como ela é eliminada junto com as fezes, o solo e a água usados pelo animal também ficam contaminados, afetando outros animais. Os métodos modernos de cultivo intensivo, utilizado atualmente nas fazendas, também facilitam a disseminação da salmonela e, em geral, a infecção não chega a ser descoberta porque os animais afetados quase nunca mostram sinais de doença. Depois, quando o animal doente é enviado ao matadouro para ser abatido , outros animais ficam expostos aos germes, principalmente quando as normas de higiêne são negligenciadas. Como é praticamente impossível distinguir entre carne sadia e contaminada pela salmonela, a carne infectada acaba sendo comercializada da maneira habitual.

O cozimento completo da carne contaminada, seja em casa, seja por meio de processamento industrial do produto, destrói totalmente as bactérias nocivas, exceto nos casos de carne descontaminada volta a entrar em contato com outras carnes infectadas pela salmonela. Existe perigo toda vez que a carne não é cozida durante o tempo necessário e a uma temperatura suficiente alta para matar a salmonela. Isso acontece, por exemplo, com as aves congeladas antes de serem levadas ao fogo. Se uma galinha ou um peru grandes forem assados a uma temperatura demasiado baixa, de modo que o calor não chegue a atingir o centro da ave, há uma grande possibilidade de que as bactérias sobrevivam. Nesse caso, elas continuarão a se reproduzir e contaminarão todo o resto da carne, tornando-a inadequada para o consumo. Por isso deve-se tomar muito cuidado com os frangos grelhados habitualmente vendidos em rotisserias, porque são assados a temperatura muito baixas, insuficientes para exterminar as bactérias. A intoxicação por salmonelas também pode ser provocada pela clara de ovo que, depois de se tornar contaminada, passa por processo de desidratação, ou congelamento e é utilizada, sem cozimento, para coberturas e recheios de bolo.


Sintomas

Se uma pessoa ingere um alimento contaminado por salmonela, 12 ou 48 horas depois ela pode Ter diarréia, embora esta possa se limitar a apenas um ligeiro desarranjo intestinal.

A gravidade dos sintomas varia de pessoa para pessoa, dependendo da quantidade de toxina ingerida e da resistência natural de cada organismo. Embora a intoxicação por salmonela quase nunca cause enjôos e dores de estômago, a pessoa contaminada pode Ter, além da diarréia, um pouco de febre e dor de cabeça. Em geral, numa pessoa com saúde normal, os sintomas desaparecem após três ou quatro dias. No entanto, as pessoas contaminadas continuam portadoras da doença durante vários meses. A razão é que, embora os sintomas tenham desaparecido, as bactérias continuam presentes no intestino e são eliminadas com as fezes. Por esse motivo, é muito importante lavar sempre as mãos depois de ir ao banheiro, principalmente se a pessoa vai manipular alimentos e utensílios usados para comer.

Tratamento: É sempre aconselhável procurar um médico.Nos casos menos graves, um dia de repouso e a ingestão de uma grande quantidade de água ou de sucos, para compensar a perda de líquidos provocada pela diarréia ou pelos vômitos, serão o bastante para a recuperação. Também é aconselhável evitar alimentos sólidos durante um ou dois dias. Se os sintomas persistirem, é aconselhável procurar um médico.


Cuidados especiais

Se os sintomas forem muito acentuados ou levarem mais de três dias para desaparecer, o paciente deve consultar um médico sem demora. No caso de bebês, crianças ou pessoas idosas afetados pela doença, também é preciso consultar um médico imediatamente após o aparecimento dos primeiros sintomas. Nesses casos, a perda de líquidos, em conseqüência da diarréia ou dos vômitos, pode levar uma rápida desidratação e consequentemente se transformar num problema sério.

Os antibióticos raramente são receitados para pacientes com intoxicação alimentar porque, em geral, eles atuam apenas sobre a corrente sangüínea, e as salmonelas estão presentes no intestino. Além disso, os antibióticos podem até mesmo impedir que o mecanismo natural de defesa do organismo combata a infecção.


Intoxicação alimentar por clostrídios

A bactéria responsável por esse tipo de intoxicação alimentar, o Clostridium prefringes, se torna ativa - e causa problemas – durante o cozimento dos alimentos. Os pratos à base de carne, como os ensopados e as tortas, por exemplo, são particularmente suscetíveis ao ataque desses germes. Essas bactérias, que estão presentes no ar, na poeira e no chão, disseminadas pelas moscas, são indestrutíveis e sobrevivem à fervura durante horas seguidas. Em temperatura abaixo de 20ºC, ou acima de 60ºC, elas se mantém inativas. Porém, entre esses dois limites, elas se multiplicam rapidamente, contaminando o alimento é mantido aquecido durante várias horas após o cozimento, quando, quando ele é esfriado lentamente e em seguida não obtém uma refrigeração adequada ou quando ele é requentado durante vários dias seguidos.


Sintomas

Os sintomas desse tipo de intoxicação surgem em geral entre 12 e 24 horas após a ingestão do alimento contaminado. Na maioria dos casos, o paciente tem fortes e persistentes does abdominais seguidas de diarréia,. Entretanto, a temperatura permanece normal e é rara a ocorrência de vômitos. Embora a pessoa se sinta bastante indisposta durante todo o tempo em que os sintomas persistirem, eles desaparecem depois de um ou dois dias. Se os sintomas continuarem presentes por mais tempo, é possível que o problema tenha uma causa completamente diferente.

Tratamento: É sempre aconselhável procurar um médico. Este tipo de intoxicação alimentar deve receber o mesmo tratamento dado à intoxicação por salmonela. O paciente necessita de um dia de repouso e deve ingerir uma grande quantidade de líquidos. Caso a diarréia persista, ele deverá seguir tratamento médico. De qualquer maneira, sempre é aconselhável procurar um médico se os sintomas forem muito acentuados e persistentes ou se o paciente for uma criança ou uma pessoa idosa.


Intoxicação alimentar por estafilococos

O Staphylococus aureus, um microorganismo que causa uma outra forma muito comum de intoxicação alimentar , geralmente está presente na superfície da pele, principalmente em torno do nariz, e também em certas infecções cutâneas, tais como cortes sépticos, espinhas e furúnculos. Um corte infeccionado na mão ou no braço de uma dona de casa que prepara uma refeição para sua família, por exemplo, pode contaminar os alimentos se eles não forem cozidos a um temperatura de 60ºC ou mais durante no mínimo meia hora. Se os alimentos contaminados por esta bactéria forem ingeridos crus ou parcialmente cozidos, eles podem provocar uma intoxicação alimentar que, na verdade, não é causada pela própria bactéria, mas sim pela toxina que ela produz.

Os alimentos comumente relacionados com esse tipo de intoxicação são presunto, língua, carnes defumadas (os conservantes usados nesses alimentos, infelizmente não eliminam as bactérias), pasta de carne, maionese, sorvetes, confeitos e doces industrializados.


Sintomas

Os sintomas surgem de uma a quatro horas após a ingestão do alimento contaminado e costumam ser bastante acentuados. Logo no início, o paciente sente tonturas e náuseas. Esses primeiros sintomas são acompanhados de vômitos abundantes que duram entre quatro e seis horas. Algumas pessoas também têm diarréia, sobretudo se ingerirem uma grande quantidade de toxina. A maioria dos pacientes se recupera em um período de 24 horas, mas as crianças e as pessoas idosas costumam levar mais tempo para se fazer.

Tratamento: É sempre aconselhável procurar um médico. O tratamento para esse tipo de intoxicação alimentar é exatamente o mesmo indicado para intoxicação por salmonela e por clostrídio- repouso e uma abundante ingestão de líquidos.


Tipos de intoxicação pouco freqüentes

Uma forma muito grave, embora extremamente rara, de intoxicação alimentar é o botulismo , doença causada por uma bactéria do gênero Clostridium. Em vez de atacar o intestino, como os outros tipos de intoxicação alimentar, o botudismo ataca o sistema nervoso e requer um tratamento totalmente diferente. O paciente com butolismo precisa ser internado num hospital, onde é submetido a um tratamento intensivo.


Plantas venenosas

Algumas plantas venenosas, quando ingeridas, causam intoxicação agudas, que chegam a ser fatais se não forem tratadas prontamente:

· Comigo - ninguém pode
As folhas dessa planta provocam fortes queimaduras que atingem o esôfago, causando a morte devido ao traumatismo que se segue à intoxicação. A vítima sente dor e ardor intensos nos lábios, no nariz e na garganta; sua boca e laringe incham e as gengivas sangram.

· Mandioca -brava
Provoca palidez, arroxamento da pele, dilatação das pupilas e aparecimento de espuma sanguinolenta nos cantos da boca.

· Mamona
Cerca de uma hora após a ingestão, a vítima é acometida por náuseas, vômitos e diarréia. Também aparecem reações como prostração, sonolência e convulsões.
Para todos os casos, a melhor solução é fazer a vítima vomitar, misturando-lhe água morna, óleo vegetal , etc,. e procurar assistência médica imediatamente.

Como evitar a intoxicação alimentar

Muitas pessoas chegam a achar exagerados alguns dos cuidados que relacionamos abaixo. Mas, considerando os perigos que sua não observância acarreta, eles até que valem a pena. Mas ainda: são precauções muito fáceis de tomar e exigem muito pouco esforço.

Lave sempre as mãos depois de ir ao banheiro e antes de preparar os alimentos. Se você tiver um ferimento nas mãos ou nos braços, proteja - o com esparadrapo e use luvas de borracha.
Lave bem frutas e verduras em água corrente, sobretudo se você pretende ingeri-los crus.
Certifique - se de que os alimentos estão sendo cozidos da maneira certa. Em caso de dúvidas sobre a temperatura da água ou o tempo de cozimento corretos, consulte um bom livro de culinária.
Degele completamente a carne de aves antes de levá- la ao fogo. As carnes de vaca, carneiro e peixe podem ser cozidas logo depois de serem tiradas do congelador.
Se você fez um ensopado e pensa utiliza - lo em mais de uma refeição, cozinhe rapidamente, cubra e conserve num lugar frio, de preferência na geladeira. Esta precaução é particularmente importante se você pretende come-lo frio, ou deixá-lo para o dia seguinte.
Se quiser manter a comida quente para alguém que chegará depois, mantenha - a aquecida a uma temperatura superior a 60ºC.
Quando você for requentar a comida, faça-o de maneira que ela seja totalmente reaquecida e requente apenas a quantidade que você irá comer realmente.
Não deixe a carne crua entrar en contato com a que está cozida ou assada. Evite comprar em estabelecimento onde carnes cruas e cozidas ficam juntas.

Lúcia Helena Salvetti De Cicco
Diretora de Conteúdo e Editora Chefe

2010Procuradora Geral de Justiça Militar, Cláudia Márcia Ramalho Moreira Luz diz: ‘O Código Militar é um monstro’


terça-feira, 15 de junho de 2010
POR ANA D’ANGELO


Rio - A corrupção entre os militares é menor do que no meio civil, afirma a procuradora-geral de Justiça Militar, Cláudia Márcia Ramalho Moreira Luz, reconduzida em abril para mandato de mais dois anos. A explicação está no controle maior das ações por serem as Forças Armadas sistema hierarquizado. Ela defende, no entanto, penas mais rigorosas para alguns crimes. “O Código Penal Militar é um monstro”, afirma em entrevista a O DIA. Escolhida pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, a partir de lista tríplice em que figurou em primeiro lugar, com 65% dos votos dos membros do MP Militar, Cláudia Márcia diz que a Justiça Militar é esquecida e malcompreendida. Nega o corporativismo e garante que há rigor nas apurações e punições.

O DIA: A corrupção é menor nas Forças Armadas ou, na realidade, ela vem menos à tona?

Procuradora-geral Cláudia Márcia: Creio que seja menor, pois, num sistema hierarquizado, há controle muito maior. As pessoas têm mais medo de se corromper e corromper as pessoas. Vou fazer comparação com as polícias. A Polícia Militar, embora apareça mais, é muito mais controlada do que as polícias civis, tanto a federal como a dos estados. Quando algum militar aparece com bens fora do padrão, chama mais atenção do que o servidor civil. Mas há corrupção, infelizmente. Agora, quando descoberta, a apuração tem muito rigor. Eles têm interesse que tudo seja bem apurado.

O DIA: Como fica o papel do Ministério Público num cenário em que teremos a Estratégia Nacional de Defesa? Estamos acompanhando, indo a todas as reuniões, demonstrando nossa linha de atuação. Pois nós somos os grandes esquecidos. A Justiça Militar como um todo é malcompreendida. Não atentam para a necessidade dela. Sendo malcompreendida, é aquilo: “Não conheço e não gosto”. Ninguém atenta para o fato de que, para existirem Forças Armadas, que garantem a soberania do País e autodeterminação, tem que haver um direito especializado, um Ministério Público especializado, que atendam às suas peculiaridades. O juiz da liberdade não pode ser o mesmo juiz da obediência, da hierarquia e da disciplina. Imagine o soldado que discute uma ordem, alegando que o comandante tem que provar que aquela ordem é a mais correta. Então, a Justiça Militar tem rigor maior. E é preciso um MP que atente para isso. Nós não podemos ter uma composição de danos (como ocorre na Justiça comum). Outros valores entram em jogo. O leigo e até o operador do direito não conseguem perceber a necessidade da Justiça especializada.

O DIA: Não será porque em relação à Justiça Militar há a sensação de que existe corporativismo ao punir? Isso é uma das maiores falácias. Se acompanhar um julgamento do Superior Tribunal Militar, constatará que, no caso de representação por indignidade do oficialato, de cada 10, nove são colocados para fora. Até hoje só vi escapar um. Às vezes são atos considerados pequenos, como desvios de quantias pequenas, que na Justiça comum poderia se enquadrar no princípio da insignificância penal. Se houve desvio de dinheiro público e ficou provado, difícil escapar, seja quem for e a quantia. Há o caso daquele militar que matou a namorada. Ele perdeu a farda. O médico que mata sua ex-esposa pode ficar até um tempo afastado da sua atividade, mas não deixa de ser médico.

O DIA: Na Justiça Militar, as condenações são mais ágeis?

Sim. E temos mecanismos processuais que contribuem para isso. Por exemplo, os recursos de embargos infringentes na Justiça comum são somente para defesa (se houve voto vencido favorável ao réu). Se o réu foi absolvido por maioria, o MP nos estados não tem como entrar com embargos infringentes para mudar a decisão. Na Justiça Militar, é possível, pois os embargos são para acusação e defesa. Já viramos muitos julgamentos com isso.

O DIA: Embora os processos não demorem tanto até a condenação final, as punições são mais brandas, não é? Depende do delito. O estelionato no Código Militar tem pena de dois a sete anos. No comum, vai de a um a cinco anos. Para o furto simples, a pena é de até seis anos (no Código Penal comum é de até quatro). Mas não temos, por exemplo, a lei dos crimes hediondos. A mudança não foi estendida ao Código Militar. Esqueceram. Ou seja, o militar que faz tráfico tem pena menor... Sim, ele tem uma pena muito mais branda do que qualquer outro cidadão. O nosso código virou um monstro. Crimes mais sérios são punidos mais brandamente e crimes não tão sérios, como furto, são punidos com muito mais rigor.

O DIA: O MP propôs as mudanças que constam dos projetos de lei que estão na Câmara ou as fez em conjunto com as Forças Armadas?Eu estou na Justiça Militar há 15 anos e ficava revoltada em ver as disparidades. Aproveitando que fui do Ministério Público do Rio, conversei com dr. Biscaia (o ex-deputado e ex-procurador-geral de Justiça, Antonio Carlos Biscaia) sobre a disparidade de penas e o deputado pediu que encaminhasse nossas reivindicações. Fizemos ampla discussão com nossos colegas do MP e elaboramos uma proposta. Ele fez algumas alterações e encaminhou os projetos. Agora, o Superior Tribunal Militar está formando comissão para também propor alteração. As Forças Armadas no momento dos debates apresentarão sua visão. O que está na Câmara é a visão do MP do que deve ser alterado. O projeto pode ser melhorado, aperfeiçoado, ouvindo outros segmentos da sociedade.

O DIA: Como estão as investigações sobre os desvios de veículos militares para ferro-velho, caso denunciado por O DIA em março? Está em fase de diligências. A procuradora que está à frente do caso é do Conselho Nacional do Ministério Público. Ela é rápida nas apurações. Mas há necessidade de diligências, perícias. Isso demora. A denúncia de irregularidades nas Forças Armadas, mesmo anônima, ocorre em menor quantidade.O sistema hierarquizado inibe a iniciativa do servidor?

Não creio. Recebemos muitas denúncias anônimas. Não é pelo fato de ser anônima que a gente deixa de investigar. Mas se for genérica, não apontar nada concretamente, fica difícil seguir. Até para não fazer esforço desnecessário, e o MP não pode ser leviano. Às vezes, há denúncia motivada por raiva, mas sendo fundada, investigamos. Tudo de forma firme, mas discreta. Grandes irregularidades são mais raras.

Postado por Adeilton9599

Fonte: Blog do Sd Gezi Gomes http://blogdogezi.blogspot.com/2010/06/claudia-marcia-luz-o-codigo-militar-e.html

Brasil vence a Coréia do Norte na estréia por 2 a 1

15/06/2010 - 16h17
Brasil vence a Coréia do Norte na estréia por 2 a 1
UOL Esportes



Aos 44 minutos do segundo tempo, a Coréia do Norte fez um gol. Ji Yun Nam recebeu, aproveitou a desantenção da defesa brasileira, invadiu a área e chutou cruzado para diminuir.

O Brasil ampliou o placar aos 26 minutos do segundo tempo. Robinho deu excelente passe e deixou Elano na cara do gol. O camisa 7 tocou na saída do goleiro e ampliou a vantagem brasileira

A seleição abriu o placar, aos 10 minutos do segundo tempo, no Estádio Ellis Park, em Joanesbrugo. Sem ângulo, o lateral-direiro Maicon chutou forte da direta e a bola pegou efeito. A bola enganou o goleiro e entrou para o primeiro gol do Brasil na Copa.

O primeiro tempo terminou em zero a zero, no estádio Ellis Park, em Joanesburgo.

O Brasil passou a maior parte do primeiro tempo tocando a bola, invertendo a bola pelas laterais. O time de Dunga teve muita dificuldade de livrar da marcação da Coreia do Norte.

Felipe Melo, Gilberto Silva, Kaká e Elano não conseguiram levar a bola aos atacantes. Ou Robinho voltava para buscar ou Maicon armava a jogada ofensiva. O Brasil não jogou bem o primeiro tempo.

Em dificuldade para finalizar, o Brasil dependeu de seus laterais para chutar a gol. Metade das finalizações foi de Maicon (2) e Michel Bastos (2).

Impressionou muito o ótimo trabalho tático norte-coreano. A seleção do técnico Kim Jong Hun ocupou os espaços na defesa, trocou passes sem erros graves porque os jogadores estavam sempre próximos um do outro; e, quando roubava a bola, saía veloz para o contragolpe, sempre em busca do atacante Tae-Se.

Coletivamente, o jogo da Coreia do Norte foi melhor que o do Brasil, até agora.

Os coreanos atuam no 3-5-2 com cara de 5-3-2 e esperaram o Brasil no campo de defesa. Com a posse de bola, ultrapassou o meio de campo com, no máximo, seis jogadores.

Logo no início, ficou claro o temor dos asiáticos por enfrentarem o maior campeão do mundo da história.

terça-feira, 15 de junho de 2010 STF JULGA INCONSTITUCIONAL A EQUIPARAÇÃO ENTRE POLÍCIAS CIVIL E MILITAR




O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu declarar inconstitucionais trechos de leis de Santa Catarina que equiparavam vencimentos das corporações militares – como a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros – aos recebidos pelos policiais civis. Com a decisão na Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4009, os militares catarinenses deixarão de ter um acréscimo no salário existente desde 1992.

Os contracheques das carreiras militares do estado ficarão mais enxutos a partir da publicação do acórdão do STF. Os ministros decidiram não retroagir os efeitos da declaração de inconstitucionalidade porque os militares que receberam salários a mais o fizeram de boa-fé, conforme previam as leis do estado. Além disso, a devolução dos vencimentos representaria insegurança jurídica e grandes prejuízos para os profissionais.

No julgamento da ADI, a tese que ganhou mais votos no Plenário foi a de que qualquer vinculação de salário entre carreiras distintas do serviço público fere o inciso XIII do artigo 37 da Constituição Federal. Ele veda a vinculação ou a equiparação de quaisquer espécies remuneratórias para o efeito de remuneração de pessoal do serviço público.

Votaram nesse sentido o relator da ADI, o ministro Eros Grau, acompanhado dos ministros Menezes Direito, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Carlos Ayres Britto, Cezar Peluso, Celso de Mello e Gilmar Mendes. O voto do ministro Marco Aurélio foi favorável às leis catarineses. Já os ministros Joaquim Barbosa e Ellen Gracie se abstiveram de votar o mérito.

Inconstitucionalidade

A Associação dos Delegados de Polícia do Brasil (Adepol) havia pedido a inconstitucionalidade do artigo 106, parágrafo 3º da Constituição catarinense (que assegura a proporcionalidade da remuneração das carreiras com a de delegado de polícia); do artigo 4º da LC 55/92 (que assegura a adequada proporcionalidade das diversas carreiras com a de delegado especial); e do artigo 1º da LC 99/93 (que mantém a proporcionalidade estabelecida em lei que as demais classes da carreira e para os cargos integrantes do grupo segurança pública – Polícia Civil).

Por consequência, foi declarada a inconstitucionalidade de partes da Lei Complementar 254/2003 (alterada pela LC 374/2007): o parágrafo 1º do artigo 10 e os artigos 11 e 12. O único artigo impugnado pela ADI que permaneceu válido foi o 27 desta última lei.

O artigo 106 da Constituição catarinense, o artigo 4º da Lei Complementar (LC) 55/92 e o artigo 1º da LC 99/93 já haviam sido suspensos cautelarmente por decisão do Supremo, na análise da ADI 1037, ressalta a associação.

O argumento da Adepol para pedir o fim da vinculação foi o de que, no Brasil, o delegado cuida da instrução pré-processual, com poder de decidir pela liberdade ou prisão de alguém. A função, portanto, seria muito diferente da missão dos policiais militares, que têm como atribuição manter a ordem pública. As informações são do portal do Supremo Tribunal Federal.

FONTE: STF, via Portal Nacional dos Delegados

NOTA DO BLOG: A declaração de inconstitucionalidade da equiparação dos salários dos policiais civis e militares, pelo Supremo Tribunal Federal, põe em xeque a nossa PEC. A equiparação salarial, de fato, é inconstitucional, por se tratar de instituições diferentes, com atribuições diferentes. Mesmo com a aprovação da PEC 300/446 sem a inclusão do valor nominal, corremos o risco de, no futuro, a emenda ser declarada inconstitucional pelos motivos já expostos. Na realidade, a equiparação ela só pode ser feita por instituições com a mesma atribuição, como no caso das polícias militares em relação ao Distrito Federal. Esclareço que na Constituição Federal não há nenhum impedimento na equiparação salarial entre os estados e o Distrito Federal. Se tivéssemos lutado pela PEC 300, na sua originalidade, seria mais provável de ser cumprida, já que não haveria nenhum empecilho legal. De qualquer forma, a PEC está a um passo de ser aprovada, mas deixo claro que, mesmo após a sua aprovação, ela poderá ser declarada inconstitucional e voltarmos à estaca zero

Postado por Glaucia
http://sdglaucia.blogspot.com/